English German Spain Italian Portuguese Japanese
Mostrando postagens com marcador cultura. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador cultura. Mostrar todas as postagens

Colorgin Arte Urbana e festival de graffiti transformam comunidade baiana

O Festival de Graffiti Bahia de Todas as Cores – BTC deste ano foi realizado no município de Candeias


O Festival de Graffiti Bahia de Todas as Cores – BTC, evento sociocultural e artístico que ocorre anualmente na Bahia trouxe cores e arte para a vida do município de Candeias. Como um grande intercâmbio de cultura, graffiti e música, o festival reuniu mais de 100 artistas com o apoio, e utilizando as cores das tintas spray da Colorgin Arte Urbana, os participantes fizeram de Candeias uma cidade mais colorida.



A comunidade viveu por três dias o entusiasmo que move o graffiti nacional e internacional, e prestigiou de perto o evento realizado entre os dias 22 e 25 de março. Com o som do DJ Marve Bighead, apresentações de Paloma Di Paula, banda Ao Vento, Lerry, e grandes nomes com debates, mesa-redonda, mutirão de pintura pelas casas da cidade, revitalização, atrações culturais, dança e alegria, o festival BTC, que teve como tema “A Arte que ilumina a Cidade” foi inspirador, destacando a importância dos festivais de graffiti no Brasil e da valorização patrimonial de Candeias.



Segundo o diretor de marketing da Tintas Sherwin-Williams, Daniel Blumen, “o BTC é maravilhoso e transformador, de cunho artístico-cultural e de responsabilidade social muito grande. Sentimos orgulho de poder participar com Colorgin Arte Urbana, enchendo de cor a cidade de Candeias. Esperamos que cada casa, muro e parede pintados com as nossas cores transbordem de ótimas lembranças a história dos moradores da cidade”.










Sobre a Tintas Sherwin-Williams

Com mais de 150 anos no mundo, a Tintas Sherwin-Williams é uma das principais referências do mercado de tintas no país e no mundo, bem como líder nos Estados Unidos. Está presente no Brasil há 73 anos, atuando entre as principais fabricantes do mercado brasileiro. A companhia produz tanto para o segmento imobiliário, como industrial, automotivo, aerossol, e tinta em pó, com marcas reconhecidas como Metalatex, Novacor, KemTone, Colorgin, Aquacryl, Design, Spazio, Classic, Super Paint e Sumaré. A empresa é uma das fabricantes de tintas que mais investe em pesquisa e desenvolvimento, sendo responsável por diversos produtos que tornaram-se referência no mercado. A Sherwin-Williams foi eleita pela revista Forbes, por dois anos consecutivos, a empresa mais inovadora do mundo no setor de tintas. Localizada no estado de São Paulo, a Sherwin-Williams possui escritórios e fábrica no município de Taboão da Serra/SP, no segmento imobiliário. Também faz parte do grupo a unidade de tintas industriais, aerossol e tinta em pó em Sumaré/SP.
Leia Mais ››

Cinemas da rede PlayArte exibirão espetáculo musical sobre a vida de Ayrton Senna




Conhecido mundialmente como um dos maiores pilotos de Fórmula 1, Ayrton Senna inspirou gerações. Mas é a essência da personalidade e caráter de Ayrton, com espírito guerreiro e de solidariedade, o humor, amores e a relação com a família que o público poderá conhecer melhor na exibição nas telonas do musical “Ayrton Senna”, produção da Aventura Entretenimento e Aventura Teatros, em parceria com a Cinecolor e a PlayArte. A narrativa do espetáculo traz grandes momentos da carreira e da vida de Ayrton Senna, como a relação dele com os pais e a emblemática vitória em Interlagos, em 1991.

A superprodução, que reúne 26 atores, será exibida nos cinemas PlayArte Manauara, em Manaus, Metrópole e ABC, na Grande São Paulo, entre os dias 01 a 05 de maio, sempre às 21h30. Os ingressos custam R$40 (inteira) e R$20 (meia-entrada). Mais informações no www.playartecinemas.com.br
Leia Mais ››

"Precisamos de mais filosofia nas escolas" Fabiano de Abreu

Autor do livro, 'Viver Pode Não Ser Tão Ruim' dá sua opinião do que poderia ser feito para a melhoria do país e fala sobre o motivo da cultura da ostentação


Para o filósofo e poeta Fabiano de Abreu, no Brasil, a ostentação tornou-se cultural, onde as pessoas querem mostrar o que tem, como meio de justificar a ausência do que queria ter em uma sociedade desenvolvida. 
 
"Em uma sociedade subdesenvolvida, de nada vale sua riqueza se vives em meio a pobreza, tão pobre és aos olhos de uma sociedade desenvolvida."
 
O autor da frase justifica que a ideia é que sirva como incentivo para que todos possam unir forças e fazer sua parte para que o Brasil possa amenizar a atual situação: 
 
"Essa frase que utilizei como "frase do dia" é uma maneira de chamar a atenção para que todos, juntos, possam lutar para que tenhamos uma sociedade mais desenvolvida. Pois estamos vivendo um caos no país, na economia, segurança e política, assim como uma crise cultural, sentimental e social. Colocando todos em diversos riscos."  


Para Fabiano a música além de um reflexo é um incentivo:
 
"Na música isso está retratado, a moda é ostentação, o funk chegou a receber um nome no mercado da música, 'funk ostentação', e é quase que obrigatório para a audiência fazer clipes em que os cantores esbanjam suas riquezas. Isso não deixa de ser um incentivo cultural obrigando a uma necessidade de aceitação. A música diz e incentiva muito na cultura local."
 
Quando falamos em problemas vem a pergunta, qual seria a solução? Para Fabiano, o primordial é a educação, confira! 
 
"É tanto o que teria que mudar, começando na educação, pois ela atua nos responsáveis pelo futuro e forma, pessoas e caracteres, mas vai além do professor, precisa de psicólogos para orientar a família dos que precisam de uma melhor orientação. A escola não educa sozinha. A meu ver, a filosofia também tem psicologia e ensinamentos de vida, mas mal se ouve falar em filosofia, seria interessante adotá-las mais nas escolas.  
 
A mudança ela parte de diversos lados, são inúmeros os problemas a serem resolvidos, segurança, excesso de impostos, educação, saúde, conscientização, entre muitas outras coisas que tem que ser mudadas parte a parte, setor a setor. 
 
Vou finalizar falando em união, está a faltar também, cada um defende sua causa e ao invés de unir-se para um bem comum, mudar a atual situação, continuam as guerras de interesses pessoais." Finaliza o filósofo.


Leia Mais ››

‘TODAS AS MENINAS REUNIDAS, VAMOS LÁ’, DOCUMENTÁRIO SOBRE O GIRLS ROCK CAMP BRASIL, ACAMPAMENTO DE FÉRIAS SÓ PARA MENINAS, ESTREIA NOS CINEMAS EM 21 DE DEZEMBRO

dirigido por Carol Fernandes, filme reúne depoimentos emponderadores, atitude e muita música


De volta ao Brasil, a diretora Carol Fernandes assina seu mais novo projeto: “Todas As Meninas Reunidas, Vamos Lá”, documentário que que narra o dia a dia do Girls Rock Camp Brasilum acampamento de férias só para meninas entre 7 e 17 anos, exclusivamente. "O projeto usa a música como ferramenta para a promoção da autoestima, do empoderamento e do protagonismo de meninas e mulheres”, relata Carol.  A estreia nos cinemas está agendada para 21 de dezembro, com distribuição nacional da Paris Filmes.



Idealizado desde 2013 em Sorocaba, no interior de São Paulo, o Girls Rock Camp Brasil  tem como foco principal o empoderamento feminino. Durante uma semana, as meninas participam de diversas atividades como aulas de voz, guitarra, baixo, bateria e teclado, além de dinâmicas de socialização, workshops de expressão corporal, serigrafia, composição musical, artwork e fanzines, autodefesa,  aulas de skate, imagem e identidade, entre outras, exercitando a convivência em grupo, o apoio mútuo, a empatia e o respeito. ​No último dia, as campistas fazem uma apresentação especial aberta ao público e toda comunidade. O projeto integra uma rede internacional de acampamentos independentes que começou nos Estados Unidos, e, na América do Sul, é o pioneiro. 


Sinopse - Todas  as Meninas Reunidas, Vamos Lá
Há cinco anos o Girls Rock Camp Brasil vem empoderando meninas e mulheres através da música em um acampamento de férias de uma semana. Mais de 80 voluntárias se unem uma vez por ano para receber 90 meninas de 7 a 17 anos e ajudá-las a aprender um instrumento, compor uma música e tocar em um show aberto a comunidade no fim da atividade. O filme acompanha essa jornada e conta como tudo começou acompanhando algumas das fundadoras do projeto no Brasil e o seu envolvimento com a música e o feminismo.


Ficha Técnica
Direção, produção executiva e roteiro: Carol Fernandes
Argumento: Patricia Saltara.
Montagem: Marianne Crestani e Michelle Brito.
Edição e Mixagem de som: Helena Duarte
Arte e Motion: Priscilla Pizzato.
Gênero: Documentário
Duração: 80 min
Produção: Amora Filmes / Paris Entretenimento
Distribuição: Paris Filmes e Amora Filmes      

Trailer Oficial
https://youtu.be/9_gTaSBCiPE
 
Facebook
@todasasmeninasreunidasvamosla
 
Instagram
@todasasmeninasreunidas
 
Paris Filmes
informações à imprensa
Maria Inez Aranha | Coordenadora de Comunicação
+55 11 3879-9761
comunicacao@parisfilmes.com.br
Leia Mais ››

Exposição com obras que questionam o estereótipo do sagrado fará parte do Natal Iluminado da Av. Paulista

Vinte e três telas gigantes, que representam figuras nada convencionais, do artista plástico Geraldo Lacerdine, estarão na Paróquia São Luís Gonzaga, a partir de 10/12

Madalena, Lágrimas e Aconchego

Eva, Mãe Negra, Dona Hermínia, Virgo Maria, Senhora dos Carinhos e Madalena são algumas das figuras femininas e negras, ícones clássicos da tradição religiosa, que estão representadas, de uma maneira nunca vista antes, nas obras da mostra Sagrado Primitivo – O intermédio dos dois mundos. A exposição sacra contemporânea será destaque do Natal Iluminado deste ano, na Paróquia São Luís Gonzaga (Av. Paulista 2378, esquina com a Bela Cintra), com abertura oficial no domingo, 10 de dezembro, às 20h30. A exposição fica até 30 de janeiro de 2018.

A paróquia recebe os 23 quadros, de acrílica sobre tela, com aplicação de folha de ouro, em sua maioria de tamanhos gigantes. O maior deles, O Sagrado Coração, tem 5x3m. As obras retratam a diversidade, discriminação e preconceito e entre outros títulos estão Aconchego, Igualdade, Pranto e O Abraço, Proteção da Fauna e Proteção da Flora. ,Na abertura da mostra (10/12), Geraldo Lacerdine também lança seu primeiro livro relativo às exposições de seu acervo. “Sagrado Primitivo” (Edições Loyola) traz textos e pinturas da mostra e terá seção de autógrafos.

O artista - Mineiro de Pará de Minas, Geraldo Lacerdine tem uma formação em Teologia e Filosofia e é padre pela ordem dos jesuítas. Abraçou a pintura  como modo de expressão na infância, por volta dos sete anos de idade. Atualmente, aos 40 anos, o artista plástico já teve suas obras expostas no Brasil e no exterior. Formado em Comunicação, Filosofia, Teologia e Mestre em Gestão Comunicacional, é incansável na busca de conhecimento, tanto que já realizou também estudos em iconografia (descrição de imagens, quadros, bustos, pinturas, por meio de estudos da escrita da imagem) russa, arte contemporânea, teatro e até psicanálise. A primeira exposição “Meninas do Brasil” aconteceu no Conjunto Nacional no final de 2012 e obteve tanto êxito que percorreu outros locais em São Paulo, como também nos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais e no exterior. Mais informações no site www.artelacerdine.com e Facebook: @artelacerdine

Serviço:
Exposição SAGRADO PRIMITIVO – O intermédio de dois mundos  (Programação do NATAL ILUMINADO)

Abertura dia 10/12, às 20h30
Vai até dia 30/01/2018, das 9 às 22h

Paróquia São Luís Gonzaga, na Av. Paulista 2378 – Consolação – SP
Entrada Gratuita


Leia Mais ››

Banda carioca Vítimas do Acaso lança música criticando o "jeitinho brasileiro"

"O Idiota Brasileiro" será lançada no dia 8/12 nas principais plataformas digitais.

Fotos: https://goo.gl/h7H1UB / Créditos: Danielle Batalha



Indignada com quem quer se dar bem a todo custo, a banda carioca Vítimas do Acaso lança no próximo dia 8 de dezembro a música "O Idiota Brasileiro". A canção, que estará disponível nas principais plataformas digitais, retrata um assunto que já se tornou hábito no dia a dia: o jeitinho brasileiro.

A música critica situações simples que já se tornaram rotineiras e aceitas na sociedade contemporânea, como a falta da pontualidade das pessoas, o uso do acostamento para ultrapassagens no trânsito ou a banalização da violência. "Acho importante que esse tipo de comportamento seja discutido, refletido e revisto. Por isso, resolvemos fazer a música", comenta Ricardo Gomes.

A banda formada atualmente pelo cantor Rodrigo El-Hayck e pelo produtor musical e multi-instrumentista Ricardo Gomes, apresenta novamente uma música em forma de manifesto. Em fevereiro, eles lançaram "Mar de Lixo", expondo a realidade da violência na Cidade Maravilhosa. "Nos perguntam: mas por que focar em polêmicas? Isso acontece naturalmente, temos uma essência muito questionadora e o rock também. Nós fazemos música sobre aquilo que vivemos e sentíamos muita falta de músicas mais críticas e sinceras. Parece que boa parte dos artistas está mais preocupada em não se envolver em polêmicas.", completa Rodrigo.

O lançamento oficial da música "O Idiota Brasileiro" será em 8/12 nas redes sociais da banda e as principais plataformas digitais.

Ouça a música "O Idiota Brasileiro"
Link secreto - https://goo.gl/7xZB7P
Facebook: facebook.com/vitimasdoacaso
Instagram: @vitimasdoacaso
Youtube: https://goo.gl/r683gc
Leia Mais ››

Thriller nacional “Quando o Galo Cantar Pela Terceira Vez Renegarás Tua Mãe” estreia em São Paulo nesta 5ª feira (23)

Primeiro longa de Aaron Salles Torres mostra a relação conturbada entre uma mãe ressentida (Catarina Abdalla) e seu filho esquizofrênico e homossexual (Fernando Alves Pinto)

O filme estará em cartaz no Caixa Belas Artes, 
com sessões às 13h50 e às 19h20, e no Espaço Itaú Frei Caneca, 
às 16h30 e às 18h20

Catarina Abdalla e Fernando Alves Pinto interpretam mãe e filho em suspense


Uma explosiva relação familiar é o ponto de partida de “Quando o Galo Cantar Pela Terceira Vez Renegarás Tua Mãe”, primeiro longa-metragem de Aaron Salles Torres, com distribuiçãoda Elo Company, que estreia no Caixa Belas Artes, com sessões às 13h50 e às 19h20, e noEspaço Itaú Frei Caneca, às 16h30 e às 18h20, em São Paulo nesta quinta-feira, dia 23. 

O titulo, retirado do conto “Feliz Aniversário”, de Clarice Lispector (em subversão à história bíblica de Pedro, que diz não conhecer Jesus), antecipa a narrativa fragmentada e recheada de mistérios, que explora a conturbada convivência de Zaira (Catarina Abdalla), uma mulher ressentida, e Inácio (Fernando Alves Pinto), seu filho esquizofrênico funcional e homossexual.

Ele trabalha como porteiro no edifício onde vivem, na zona sul do Rio de Janeiro. Ela é dona de casa e teve que deixar suas costuras de lado para tomar conta do filho, que sempre demandou muita atenção, e agora também precisa cuidar do marido Guilherme que, mais velho do que ela, está muito doente. Sua única companhia é um galo, que mora em cima da pia da cozinha.

O clima de tensão entre Zaira e Inácio piora após a morte de Guilherme, que trabalhava como zelador no prédio há quarenta anos, garantindo assim o direito da família morar ali. A obsessão de Inácio por um morador se torna perigosa e o rancor de Zaira passa a se direcionar ao filho, por ele não conseguir assumir a função do pai e manter o apartamento da família. Mãe e filho vão à loucura e se tornam capazes de atos impensáveis. 
thriller psicológico é inspirado em personagens reais, vizinhos de prédio do diretor. “Escutei aquelas discussões do meu apartamento. Por isso demorei três anos para escrever o roteiro, foi muito difícil me distanciar daquilo”, conta Aaron. O longa trata de temas delicados, como esquizofrenia, violência contra a mulher, aceitação de um filho gay e o despreparo do estado em assistir pessoas como essas. “Eu também quis falar sobre os marginalizados, seres invisíveis e ao mesmo tempo tão reais e presentes em nossa sociedade”, completa o cineasta.

Tema da obra, a canção “Perigos Razões” (assista aqui) é interpretada por Ney Matogrosso, que se transforma no personagem Inácio. A letra foi composta por Aaron Salles Torres, dando voz ao personagem de Fernando Alves Pinto, que pela primeira vez consegue se expressar.

Sinopse curta
A relação conflituosa entre uma mãe ressentida e seu filho esquizofrênico e homossexual vai ao limite após a morte do pai.

Sinopse longa
Zaira é uma mulher rancorosa. Ela deixou o trabalho de costureira para cuidar de Inácio, seu filho esquizofrênico e homossexual, que é porteiro no prédio onde vivem. A relação da mãe com o filho se torna explosiva quando morre seu marido, zelador do edifício, e eles correm o risco de perder o apartamento.

                       Diretor                             
Nascido no Mato Grosso do Sul, Aaron Salles Torres é formado em Cinema, Vídeo e Novas Mídias com ênfase em direção e roteiro pela Escola do Instituto de Arte de Chicago. Ao longo dos 10 anos em que morou nos Estados Unidos produziu quatro curtas-metragens e foi agraciado quatro vezes com o Prêmio de Liderança. Ao voltar para o Brasil, em 2011, trabalhou na Conspiração Filmes em produções como “Rio Eu Te Amo” (2014) , série  “Vai que Cola” (2013 a 2016) e “Vai que Cola – O Filme” (2015).   


Trailer


Ficha Técnica
Elenco
Catarina Abdalla - Zaira
Fernando Alves Pinto - Inácio
Tião d'Ávila - Guilherme
Thiago Ristow - Gilvan
Lucas Malvacini - Antônio
Alice Morena - Namorada
Silvana Stein - Assistente Social
Karine Teles - Psicóloga
Marcelo Mello - Jânio
Robson Santos - Porteiro da Noite
Sílvio Guindane - Voz adicional

Equipe Técnica
Apresentação: Georgois Filmes
Direção e Roteiro: Aaron Salles Torres
Produção: Valeria Amorim e Aaron Salles TorresProdução Executiva: Aaron Salles Torres, Martin D. Johnson, Catarina Abdalla, Sylvia Ramos, Elza Salles Fernandes Silva Torres, Nilton Silva Torres, Nicholas Salles Fernandes Silva Torres e Naymi Salles Fernandes Silva Torres

Produção de Elenco: Vania Ferreira e Athenea Bastos
Executiva de Pós-Produção: Sylvia Ramos
Diretor de Fotografia: Léo Vasconcellos
Diretor de Fotografia Adicional: Flávio Borges
Montagem: Paulo Varella
Montagem Adicional: Rená Tardin
Direção de Arte: Nathalia Siqueira
Figurino: Bella Cardoso
Caracterização e Efeitos: Max Vitor
Correção de Cor e Efeitos Especiais: Cristiano Costa
Trilha Sonora Original: Lucas Vasconcellos
Edição de Som: Vinícius Leal e Daniel Vellutini
Mixagem: Vinícius Leal e Jesse Marmo

Sobre a Elo Company
Com 10 anos de existência, a Elo Company distribui conteúdo audiovisual brasileiro para todas as mídias no Brasil e no exterior. De cinema aos principais canais de TV, passando por plataformas digitais, a Elo mantém uma extensa carteira de clientes para todos os tipos de produtos (longas de ficção, documentários, animação e séries). Exemplos de sucesso da empresa são a distribuição de “Espaço Além – Marina Abramovic e o Brasil” – primeiro título com selo Vimeo Original da América Latina e maior bilheteria do segmento nos cinemas do Brasil em 2016 e o “O Menino e o Mundo”, que recebeu indicação ao Oscar na categoria Melhor Animação em 2016 e que foi comercializado para mais de 100 países.


Leia Mais ››

Thriller nacional “Quando o Galo Cantar Pela Terceira Vez Renegarás Tua Mãe” entra em circuito nacional no dia 23 de novembro

Longa de estreia de Aaron Salles Torres mostra a relação conturbada entre uma mãe ressentida (Catarina Abdalla) e seu filho esquizofrênico e homossexual (Fernando Alves Pinto)



Interpretada por Ney Matogrosso, a canção "Perigos Razões", composta pelo diretor, dá voz ao personagem Inácio


 Catarina Abdalla e Fernando Alves Pinto interpretam mãe e filho em suspense

Uma explosiva relação familiar é o ponto de partida de “Quando o Galo Cantar Pela TerceiraVez Renegarás Tua Mãe”, primeiro longa-metragem de Aaron Salles Torres com distribuição da Elo Company e estreia marcada para o dia 23 de novembro. 
A frase de Clarice Lispector no conto “Feliz Aniversário” – em subversão à história bíblica de Pedro, que diz não conhecer Jesus – o titulo antecipa a narrativa fragmentada e recheada de mistérios, que explora a conturbada convivência de Zaira (Catarina Abdalla), uma mulher ressentida, e Inácio (Fernando Alves Pinto), seu filho esquizofrênico funcional e homossexual.


Ele trabalha como porteiro no edifício onde vivem, na zona sul do Rio de Janeiro. Ela é dona de casa e teve que deixar suas costuras de lado para tomar conta do filho, que sempre demandou muita atenção, e agora também precisa cuidar do marido Guilherme que, mais velho do que ela, está muito doente. Sua única companhia é um galo, que mora em cima da pia da cozinha.

O clima de tensão entre Zaira e Inácio piora após a morte de Guilherme, que trabalhava como zelador no prédio há quarenta anos, garantindo assim o direito da família morar ali. A obsessão de Inácio por um morador se torna perigosa e o rancor de Zaira passa a se direcionar ao filho, por ele não conseguir assumir a função do pai e manter o apartamento da família. Mãe e filho vão à loucura e se tornam capazes de atos impensáveis. 

"O thriller psicológico é inspirado em 
personagens reais, vizinhos de prédio do diretor. 
“Escutei aquelas discussões do meu
apartamento. Por isso demorei três anos para 
escrever o roteiro, foi muito difícil me distanciar 
daquilo”,
conta Aaron. O longa trata de temas delicados, como esquizofrenia, violência contra a mulher, aceitação de um filho gay e o despreparo do estado em assistir pessoas como essas. “Eu também quis falar sobre os marginalizados, seres invisíveis e ao mesmo tempo tão reais e presentes em nossa sociedade”, completa o cineasta.

Tema da obra, a canção “Perigos Razões” (assista aqui) é interpretada por Ney Matogrosso, que se transforma no personagem Inácio. A letra foi composta por Aaron Salles Torres, dando voz ao personagem de Fernando Alves Pinto, que pela primeira vez consegue se expressar.


Sinopse curta
A relação conflituosa entre uma mãe ressentida e seu filho esquizofrênico e homossexual vai ao limite após a morte do pai.

Sinopse longa
Zaira é uma mulher rancorosa. Ela deixou o trabalho de costureira para cuidar de Inácio, seu filho esquizofrênico e homossexual, que é porteiro no prédio onde vivem. A relação da mãe com o filho se torna explosiva quando morre seu marido, zelador do edifício, e eles correm o risco de perder o apartamento.

Diretor 
Nascido no Mato Grosso do Sul, Aaron Salles Torres é formado em Cinema, Vídeo e Novas Mídias com ênfase em direção e roteiro pela Escola do Instituto de Arte de Chicago. Ao longo dos 10 anos em que morou nos Estados Unidos produziu quatro curtas-metragens e foi agraciado quatro vezes com o Prêmio de Liderança. Ao voltar para o Brasil, em 2011, trabalhou na Conspiração Filmes em produções como “Rio Eu Te Amo” (2014) , série “Vai que Cola” (2013 a 2016) e “Vai que Cola – O Filme” (2015). 





Ficha Técnica

Elenco
Catarina Abdalla - Zaira
Fernando Alves Pinto - Inácio
Tião d'Ávila - Guilherme
Thiago Ristow - Gilvan
Lucas Malvacini - Antônio
Alice Morena - Namorada
Silvana Stein - Assistente Social
Karine Teles - Psicóloga
Marcelo Mello - Jânio
Robson Santos - Porteiro da Noite
Sílvio Guindane - Voz adicional

Equipe Técnica
Apresentação: Georgois Filmes

Direção e Roteiro: Aaron Salles Torres
Produção: Valeria Amorim e Aaron Salles Torres
Produção Executiva: Aaron Salles Torres, Martin D. Johnson, Catarina Abdalla, Sylvia Ramos, Elza Salles Fernandes Silva Torres, Nilton Silva Torres, Nicholas Salles Fernandes Silva Torres e Naymi Salles Fernandes Silva Torres

Produção de Elenco: Vania Ferreira e Athenea Bastos
Executiva de Pós-Produção: Sylvia Ramos
Diretor de Fotografia: Léo Vasconcellos
Diretor de Fotografia Adicional: Flávio Borges
Montagem: Paulo Varella
Montagem Adicional: Rená Tardin
Direção de Arte: Nathalia Siqueira
Figurino: Bella Cardoso
Caracterização e Efeitos: Max Vitor
Correção de Cor e Efeitos Especiais: Cristiano Costa
Trilha Sonora Original: Lucas Vasconcellos
Edição de Som: Vinícius Leal e Daniel Vellutini
Mixagem: Vinícius Leal e Jesse Marmo

Sobre a Elo Company
Com 10 anos de existência, a Elo Company distribui conteúdo audiovisual brasileiro para todas as mídias no Brasil e no exterior. De cinema aos principais canais de TV, passando por plataformas digitais, a Elo mantém uma extensa carteira de clientes para todos os tipos de produtos (longas de ficção, documentários, animação e séries). Exemplos de sucesso da empresa são a distribuição de “Espaço Além – Marina Abramovic e o Brasil” – primeiro título com selo Vimeo Original da América Latina e maior bilheteria do segmento nos cinemas do Brasil em 2016 e o “O Menino e o Mundo”, que recebeu indicação ao Oscar na categoria Melhor Animação em 2016 e que foi comercializado para mais de 100 países.





Leia Mais ››

Tag de Halloween

O Halloween foi na terça-feira passada e no dia de Finados,com a galera reunida,resolvemos 'brincar' um pouco e fazer um vídeo para o Canal do One Guy.
Sempre que conseguimos nos encontrar, gravamos videos para compartilhar nossas conversas.No canal tem Tags de Blogueiros e Músicos,Fim de ano e Dia das mães.Acessem o canal e confira,você não vai se arrepender.É bem divertido!

A nossa #TAG de #Halloween demorou,mas saiu!Confira abaixo e se inscreva no canal:


Participações:




Leia Mais ››

A TEMÁTICA HAMBURGUERIA TAVERNA MEDIEVAL TEM BOAS NOVIDADES!

 No cardápio e Delivery!


Inaugurada há um ano,  no bairro da Vila Mariana, a Taverna Medieval hoje recebe público de todas as idades e especialmente os apaixonados por games e cultura medieval que às terças e quartas-feiras frequentam o andar superior do espaço,  para curtir RPG e jogos de tabuleiro. Surpreende a recepção dos garçons e hostess usando roupas típicas e chamando os clientes de milady e milorde, os detalhes da decoração de cada ambiente -  com objetos e móveis especialmente produzidos para vivenciar a idade média -  e o cardápio cuidadosamente preparado com inspiração na culinária de época. Tudo foi pensado em cada detalhe, o que torna a experiência divertida e envolvente.

Uma boa novidade é que a Taverna Medieval agora faz entrega Delivery pela Spoon Rocket, com entrega gratuita, na região da hamburgueria, numa área de até 4 km,  para o hamburguer chegar quentinho e com todo o sabor. Durante o mês de outubro, também participa do Festival de Burgers da Spoon Rocket com o combo exclusivo do burger Valkyria - hambúrguer bovino 180g no Pão Australiano, com baby agrião, queijo provolone e geléia de pimenta + duas cebolinhas de Tão Tão Distante pelo valor de R$ 32,00 – só pelo delivery, mas em novembro, o burger Valkyria também poderá ser saboreado na Taverna, pois será a sugestão do  mês no cardápio.


Entre as novidades da casa estão as Poções não alcoólicas – nos sabores maça verde, granadine com laranja e morango – que a casa sugere sortear num dado de 4 lados, que garante o valor da poção por R$ 15,00 e você pode levar o recipiente para casa.

Também vale participar de uma brincadeira interessante: pedir para lançar um dado de 20 faces (D20)para escolher seu drink alcóolico do cardápio. A idéia, que traz interação e boas risadas à mesa, consiste em uma combinação de sorte e humor, pois ao lançar o dado (R$15) o jogador receberá a bebida indicada no menu, mas se cair no número 20, ganha o direito de rolá-lo novamente e leva um double drink da bebida sorteada.



Drinks alcóolicos sorteados nos dados

A carta de bebidas da Taverna Medieval reserva drinks especiais compostos à base de especiarias e bebidas de época. Entre eles, figura o Hidromel, a bebida alcoólica mais antiga do mundo, derivada da fermentação de mel e água. Pode ser saboreada em shot, drinks e caipirinhas. São várias as opções de drinks servidos em copos ou vidros de poções mágicas, que homenageiam a fantasia medieval e os games, a exemplo o Fogo Vivo que combina Absinto, vodca, licor de maçã verde, curaçau fino e limão.O chopp de 700ml, é servido numa caneca especial de pedra, como se bebia nas tavernas. A escolha fica entre o artesanal Burgman, nas versões American Lager, IPA, e o artesanal Bambergnos sabores Alt Bier e Pilsen, e ainda há opção de boas cervejas na carta de bebidas. 

O cardápio gastronômico da casa traz releituras de receitas medievais, com ingredientes característicos em hambúrgueres, lanches, entradas e sobremesas. Espadinhas ao lado de cada opção mostra o índice de mediavilidade do prato. Para começar, entre as opções bem originais, experimente um petisco de época, o Apple Bacon - Refogado de maçã, cebola e bacon, acompanhado de baguete italiana fatiada e as Cebolas de Tão Tão Distante - cebolas empanadas com mussarela e recheadas com pernil desfiado e temperado com relish de pimentão defumado.


Cebolas de Tão Tão Distante

Existem vários e deliciosos lanches e hambúrgueres com ingredientes diferenciados. As dicas são o exótico Bárbaro, burger de 180 gramas de carne de javali, queijo Caciocavallo, rúcula e relish de pimentão vermelho defumado, no pão tradicional e o novo Gigante da Montanha - Burger bovino de 180g recheado com queijo Emmental e envolto no bacon, com molho barbecue, cebola crispy no pão de brioche. Sempre acompanhados de batatas rústicas e molhos da casa.


Burger Gigante da Montanha

E não deixe de experimentar os milk shakes não alcóolicos e outros alcoólicos que surpreendem, como o Ricardo Coração de Leão - Sorvete de creme, vodca, grenadine, canela e gengibre e o Ragnar Lodbrok - Sorvete de creme, uísque Jack Daniels e bacon. Entre as sobremesas, o destaque é aNessie - Deep Fried Chocolate Bar - é uma receita especial escocesa de chocolate Snikers empanadoem massa de cerveja e frito. E existem outras tentações como Morgana Le Fay - Pão de Mel com Especiarias - a Guilherme Tell - Torta de Maça com sorvete de baunilha e a Minim - Pera cozida com redução de vinho tinto com especiarias. Difícil escolher!


Milk shakes deliciosos




As atrações da Taverna


                           

A Taverna Medieval agora exibe em seus ambientes, trajes medievais usados em filmes famosos, com novidades a cada mês. Estão em exposição


- Coração Valente (1995 com Mel Gibson) – martelo de guerra, espada inglesa, armadura e túnica inglesa usada pelo ator Tom Flanagan. Além do COA, exibe uma carta de autenticidade (LOA) do “Clã Wallace”, grupo formado por descendentes de William Wallace que ajudaram a fazer o filme;


- Cruzada (2005 com Orlando Bloom) – Túnica de cavaleiro de Jerusalém.


Duetos fazem música medieval ao vivo e vez por outra é possível apreciar uma alegre dança de época que acontece nos vários ambientes da Taverna, atrações gratuitas que variam às sextas e sábados. 


De quarta a sábado, uma profetiza joga Runas Nórdicas (R$ 15,00) respondendo as perguntas sobre o destino e de sexta a domingo vale conferir a mira no Arco e Flecha, com instruções de um mestre que lhe ensinará todos os truques em 9 flechas, por R$ 15,00. 


Serviço:

Taverna Medieval

Endereço: Rua Gandavo, 456 - Vila Mariana - São Paulo/SP.

Reservas: 4114-2816.

Horário de funcionamento: de terça a quinta-feira das 18h às 23h.

Sextas e sábados das 18h às 1h.

Domingos das 18h às 23h.

Aceita todos os cartões de crédito.

Não aceita cheque e tickets.

Ar condicionado.

Acesso a deficientes físicos.

Estacionamento: Valet Park no local – R$ 23,00

Facebook:tavernamedieval




Delivery só na região – 4 km. pelo Spoon Rocket – não cobra taxa de entrega - e I Food.
Leia Mais ››