Rejuvenesça com a harmonização facial - Keep N´ Pop

NOVAS

Home Top Ad

18 agosto 2020

Rejuvenesça com a harmonização facial



Cirurgião oculoplástico, Dr. Rogério Leal fala sobre os procedimentos que esse tratamento engloba e benefícios que proporciona
Dr. Rogério Leal
A harmonização facial é um tratamento estético cada vez mais procurado por pessoas jovens que querem retardar os efeitos do envelhecimento e deixar o rosto mais bonito e expressivo.
Diferente da cirurgia plástica, a harmonização é um conjunto de tratamentos estéticos combinados feitos por meio de aplicações para melhorar a harmonia do rosto. Com a perda de elasticidade da pele e queda dos tecidos, músculos e gordura, é recomendada a realização destes procedimentos que consistem em transformar os traços e tratar o envelhecimento facial.
Dentro deste conjunto estão tratamentos não cirúrgicos como o preenchimento com ácido hialurônico. “Além de melhorar o contorno facial, esta técnica, que repõe o volume em uma determinada parte do rosto, pode ser usada para atenuar os sulcos mais profundos, também conhecidos como “rugas estáticas”. A duração da harmonização pode variar conforme a área em que o ácido for aplicado sendo, normalmente, de 6 meses a 2 anos”, explica Dr. Rogério Leal, especialista em cirurgia oculoplástica.
Segundo o cirurgião, quando se fala em rejuvenescimento da face, a cirurgia plástica também pode ser associada ao tratamento, conforme a necessidade de cada paciente. Nesse caso, a ritidoplastia, ou lifting facial, é uma das cirurgias essenciais de harmonização, já que seu objetivo principal é elevar a região das maçãs que ficam localizadas no terço médio da face e, se necessário, associar a elevação da musculatura do pescoço para que os sinais de envelhecimento sejam diminuídos.
“Cada caso exige uma técnica adequada para a realização da cirurgia pois os cortes ficam escondidos no couro cabeludo e nos contornos naturais do rosto e orelhas do paciente. Todos os vasos sanguíneos também precisam ser avaliados e cauterizados para evitar sangramentos e a finalização é feita por meio de sutura (os conhecidos pontos) para fechar a pele, o tecido abaixo dela e, principalmente, para suspender os músculos”, acrescenta.
Todo o procedimento dura, em média, de 4 a 6 horas. O que ocasiona a variação do tempo é a indicação de procedimentos auxiliares feitos pelo cirurgião, já que, em alguns casos, ele pode fazer preenchimentos com a própria gordura do paciente e peelings químicos ou à laser que também auxiliam no rejuvenescimento facial proporcionado pela cirurgia.
O paciente também pode precisar de outras intervenções estéticas em regiões específicas como a dos olhos e a blefaroplastia é a mais indicada para a correção das pálpebras caídas que proporcionam uma aparência de cansaço. “Com a blefaroplastia é realizado o reposicionamento das pálpebras por meio da retirada dos excessos de pele e bolsas de gordura. Ela também ajuda a rejuvenescer o olhar e reduzir rugas e linhas de expressão, proporcionando um melhor resultado e deixando o olhar do paciente ainda mais jovial”, finaliza.
Assista vídeos e lives no canal do Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCEG4X79Ytedp4bbSSuVWW2g/videos

SOBRE O DR. ROGÉRIO LEAL
Médico cirurgião plástico, Dr. Rogério Leal é especialista em Cirurgia Oculoplástica, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Ocular e da Academia Brasileira de Cirurgia Plástica da Face, realizando desde cirurgia plástica das pálpebras até tratamentos faciais a laser e peelings químicos.
Formado pela Universidade Federal do Paraná em 1996, mudou-se para São Paulo, onde concluiu sua formação em instituições respeitadas como o Hospital Brigadeiro e o IOTC, além do Detroit Medical Center, nos Estados Unidos.
É professor assistente do Protocolo de Peelings Químicos Palpebrais do Serviço de Cirurgia Plástica Ocular do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).
Em alguns casos, para obter melhores resultados, o especialista associa cirurgia com outros procedimentos como elevação das sobrancelhas, peelings químicos, laser, preenchimentos com ácido hialurônico e transposição de gordura do próprio paciente.
Após concluir sua formação em Cirurgia Plástica Ocular, seu grande mestre, Dr. Tadeu Cvintal, o encaminhou para realizar um estágio com o renomado cirurgião plástico Dr. Pedro Vital Neto, no Hospital Albert Einstein.
Atualmente, realiza cirurgias nos Hospitais Santa Catarina e Albert Einstein, em São Paulo, no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, e no Hospital Union, em Curitiba.
Instagram: drrogerioleal
Contato: 11 97222-6161

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas