Everything Sucks, de volta aos anos 90!

by - março 05, 2018



No dia 16 de fevereiro estreou mais uma série original Netflix, Everything Sucks, uma comédia criada por Ben York Jones e Michael Mohan, que retrata o dia-a-dia dos adolescentes e suas descobertas nos anos 90, na cidade de Boring, Oregon.

A série acompanha a vida de Luke O’ Neil e seus amigos que fazem parte do grupo de vídeo da escola, onde ele conhece e se apaixona por uma colega, Kate Messner, a filha do diretor da escola, porém a menina tem duvidas sobre sua própria sexualidade e tem sua própria jornada de auto-conhecimento. O fio condutor do enredo se baseia na junção dos estudantes do clube de vídeo e os do clube de teatro para fazerem um filme de baixo-orçamento, após um acidente que destruiu o teatro do colégio. Em resumo, é uma série sobre personagens, não há uma trama mega desenvolvida e complexa, pois cada personagem possui sua individualidade e motivação. Cada episódio tem aproximadamente 22 minutos de duração.





A série se passa em 1996, e tem toda a estética da época como roupas, tecnologia e claro uma boa trilha sonora, mais uma série para os nostálgicos de plantão, afinal quem não se lembra do bom e saudoso videocassete ou ouvir musica na maior invenção tecnológica da época, o CD?

Tirando um palavrãozinho e outro é uma série leve, boa pra ver com a família. É uma série bem humorada, porém, não espere chorar de rir, mas é divertida na mesma linha de Atypical, por exemplo, e possui um final com um gancho para uma segunda temporada.

A primeira temporada completa com 10 episódios está disponível na Netflix, confira esta novidade, tire a poeira do seu videocassete e desenterre o seu CD favorito.

You May Also Like

0 comentários