Que tal aproveitar o Lollapalooza em outro país? - Keep N´ Pop

NOVAS

Home Top Ad

28 outubro 2017

Que tal aproveitar o Lollapalooza em outro país?

Com lineups semelhantes ao do Brasil, Lollapalooza Chile e Argentina podem ser boas pedidas para os fãs que não conseguirem assistir à edição brasileira



O ano vai chegando ao fim e os ânimos dos fãs de música já começam a esquentar, à medida que o Lollapalooza Brasil divulga informações sobre a edição de 2018. Com Pearl Jam, Red Hot Chili Peppers e The Killers como atrações principais, o festival acontecerá nos dias 23, 24 e 25 de março de 2018 e promete atrair um grande público. Mas você já parou para pensar na possibilidade de aproveitar o festival em outro país da América Latina?
                                  

Para fãs que querem acompanhar a turnê completa de seus artistas preferidos ou para os que não poderão comparecer à edição brasileira por alguma razão, os Lollapaloozas Chile e Argentina podem ser boas opções. Até o momento, de acordo com dados da StubHub, a maior plataforma de intercâmbio de ingressos do mundo, de todos os ingressos comprados pelos brasileiros para as edições do Lollapalooza 2018 na América Latina, 9% foram para os eventos do Chile e da Argentina, enquanto cerca de 91% foram vendidos para a edição do Brasil. A recém-divulgada divisão de artistas por dia deve ajudar os fãs a escolherem as melhores opções e avaliarem se viajar é uma boa pedida.

Viajar para aproveitar eventos não é novidade: os brasileiros estão entre os dez povos que mais compram eventos em outros países do mundo. Neste ano, os destinos preferidos dos Brasileiros para aproveitar eventos musicais foram Chile, Argentina, França, Itália e Estados Unidos, com Chile e Argentina reunindo 50% destas vendas na StubHub.

“O inverso também é real, especialmente para festivais: 37% dos ingressos vendidos este ano foram comprados por estrangeiros, e os principais compradores foram argentinos, chilenos e uruguaios. O “eventureiro”, ou seja, o viajante que já planeja sua viagem de acordo com os principais eventos que poderá aproveitar em países estrangeiros, é cada vez mais comum, sobretudo quando falamos de festivais, que reúnem muitas atrações em um único espaço”, afirma Irene Recio, Gerente de Comunicação da StubHub para a América Latina.

De acordo com uma pesquisa realizada pela StubHub com 400 pessoas no Brasil inteiro, 20,7% dos fãs brasileiros fariam uma viagem internacional para ver seus artistas preferidos. Aproveitando a semelhança entre os lineups, que tal considerar o Chile e a Argentina como opções para assistir ao festival?




Na StubHub, nossa missão é simples: 
ajudar os fãs a se divertir. Conectamos fãs com seus times, shows e artistas favoritos e apresentamos os que eles amarão depois. 
Como a maior plataforma de intercâmbio de ingressos do mundo, habilitamos os fãs a comprar e vender ingressos para dezenas de milhares de eventos, sempre que quiserem, através do desktop e dispositivos móveis, incluindo o nosso aplicativo StubHub para iPhone, iPad, Apple Watch e Android. 
Oferecendo uma experiência superior para os fãs, a StubHub reinventou o mercado de revenda de ingresso em 2000 e continua liderando a inovação. 
Nossas conquistas na indústria incluem a introdução do primeiro aplicativo de venda de ingressos, a primeira ferramenta de mapeamento de assentos interativos e o primeiro programa de recompensas para entretenimento ao vivo, o Fan Rewards™. Nossos parceiros de negócios incluem mais de 130 equipes em MLB, NBA, NHL, MLS e NCAA, 
além de AEG, AXS e Spectra Ticketing & Fan Engagement. 
Com a aquisição da Ticketbis em agosto de 2016, a StubHub fornece a experiência total de eventos de ponta a ponta em todo o mundo. 
StubHub é uma empresa eBay (NASDAQ: EBAY). 
Para mais informações sobre StubHub, 
visite StubHub.com.br 
ou 
siga @StubHub no Twitter.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas